terça-feira, 29 de novembro de 2011

Mecanicamente…

Mecanicamente saio da cama em direcção ao banho.

Mecanicamente tomo banho e visto a roupa – o menos trabalhosa possível.

Mecanicamente preparo as sandes/almoço/petiscos que me hão-de aquecer o espírito durante o dia.

Mecanicamente conduzo 30 min. até ao local que me apaga totalmente a vontade e a alegria de trabalhar.

Mecanicamente saio do trabalho e rumo até casa onde apenas quero dormir - reflexões e introspecções proibidas - para não pensar na estupidez das minhas escolhas.

E assim se vão passando os dias, mecanicamente.

Um beijo com saudade.

5 comentários:

Pedro disse...

Um beijo solidário, para aquecer um pouco mais o teu dia, para te encher de vontade e alegria de trabalhar, para que as tuas reflexões se transformem em boas escolhas num futuro que ainda está todo à tua frente.

Calíope disse...

Se te sentires acompanhada, posso confessar que não sei o que fazer da minha vida e pior, não sei o quero da minha vida. Quero crer que todas as escolhas se tornam em boas opções mais cedo ou mais tarde. Contigo também vai ser assim :)

L Parreira disse...

As coisas por aqui também estão um pouco assim. Espero que recuperes a tua habitual alegria o mais rápido possível. Beijos

Ana Mota disse...

E, depois, voltamos a adormecer... Para acordar num dia que, embora novo, nada de novo parecerá trazer...

Gostei muito. Um beijinho.

massimo disse...

Hey mel que está errado? Eu sinto muito em ouvir que você tão triste. Um beijo