segunda-feira, 8 de junho de 2009

Um post com muita ironia…

Até agora, o meu avião preferido era o Fokker, principalmente o F-5o:

Mas isso foi antes de conhecer o Dash:

Aquilo é que é uma maravilha. Parece saído daqueles desenhos animados antigos do Mickey Mouse  em que é quase preciso dar à corda para pôr a coisa a funcionar e depois de uma chinfrineira ensurdecedora o dito está no ar num instantinho… Eu aconselharia às companhias aéreas que fornecessem um kit de descolagem composto de uns bonecos anti-stress (daqueles que se apertam com as mãos), umas moldeiras (daquelas que os tipos do boxe usam) para a pessoa não ficar sem dentes enquanto faz força para se manter no lugar e uns tampões para os ouvidos (se me deram quando eu fiz a minha ressonância magnética, onde o barulho foi menor, não percebo porque é que não dão neste avião).

Se eu chamava Fukker ao outro… este baptizei de ‘Dasse… conseguem adivinhar porquê?

Um beijo com saudade…

2 comentários:

Teresa disse...

ahahahahha! Muito bom!
Beijinhos!!!

Ana Rita disse...

Uhuh! :)
Coitadinha da nossa nenas...
Realmente, não percebo pq é q ainda n descobriram os pozinhos perlimpimpim, q permitem viajar sem desconforto!
Eu qdo era (ainda mais)pequenina via uma série portuguesa em q eles já os usavam...
Beijinho